Horizonte de Palavras

Porque escrever é olhar além…

E na sua tristeza, sorria!

Dias de chuva sempre nos fazem pensar mais, seja em pessoas ou coisas cotidianas ( não que essas pessoas não sejam cotidianas), seja em sentimentos ou palavras proferidas. Hoje tentei achar uma ligação entre pensar, sentir e ouvir e acabei me deparando com um vídeo que mostra tudo. A música “Smile” de Charles Chaplin possui uma letra bonita e encorajadora, que tenta te mostrar motivos para simplesmente sorrir.

Então lembrei de outro fato: já se passaram 2 meses sem o astro pop Michael Jackson, que faz uma falta danada. O mundo perdeu um pouco do brilho. Acho que ninguém vai criar mais nada na música como ele criou.  A canção ficou ainda mais bela na voz de MJ. Eureca! Consegui juntar tudo, Chaplin + Michael Jackson + pensar, sentir e ouvir.

Deu nisso!

SORRIA
Sorria, embora seu coração esteja doendo
Sorria, mesmo que ele esteja partido
Quando há nuvens no céu
Você sobreviverá…

Se você apenas sorri
Com seu medo e tristeza
Sorria e talvez amanhã

Você descobrirá que a vida ainda vale a pena se você apenas…

Ilumine sua face com alegria
Esconda todo rastro de tristeza
Embora uma lágrima possa estar tão próxima
Este é o momento que você tem que continuar tentando
Sorria, pra que serve o choro?
Você descobrirá que a vida ainda vale a pena
Se você apenas…

Se você sorri
Com seu medo e tristeza
Sorria e talvez amanhã
Você descobrirá que a vida ainda vale a pena
Se você apenas Sorrir…

Este é o momento que você tem que continuar tentando
Sorria, pra que serve o choro?
Você descobrirá que a vida ainda vale a pena
Se você apenas Sorrir

Anúncios

25/08/2009 Posted by | Pensadores: Poesia da Vida | , , , , , , | Deixe um comentário

Só depende de nós

Começar o dia com as palavras sábias de Chaplin é como procurar uma razão pra não reclamar de todas as coisas. Cada um faz da sua vida aquilo que deseja, obviamente, mas ela ser boa ou ruim é de sua própria  responsabilidade. Ao ler este poema, percebi que a vida não é mais do que escolhas, certas ou erradas, mas escolhas…

 

 “Hoje levantei cedo pensando no que tenho a fazer antes que o relógio marque meia noite. É minha função escolher que tipo de dia vou ter hoje. Posso reclamar porque está chovendo ou agradecer às águas por lavarem a poluição. Posso ficar triste por não ter dinheiro ou me sentir encorajado para administrar minhas finanças, evitando o desperdício. Posso reclamar sobre minha saúde ou dar graças por estar vivo. Posso me queixar dos meus pais por não terem me dado tudo o que eu queria ou posso ser grato por ter nascido. Posso reclamar por ter que ir trabalhar ou agradecer por ter trabalho. Posso sentir tédio com o trabalho doméstico ou agradecer a Deus por ter um teto para morar. Posso lamentar decepções com amigos ou me entusiasmar com a possibilidade de fazer novas amizades. Se as coisas não saíram como planejei posso ficar feliz por ter hoje para recomeçar. O dia está na minha frente esperando para ser o que eu quiser. E aqui estou eu, o escultor que pode dar forma. Tudo depende só de mim.”

Charles Chaplin

23/08/2009 Posted by | Pensadores: Poesia da Vida | , , , , | 1 Comentário