Horizonte de Palavras

Porque escrever é olhar além…

A ordem das coisas…da vida

Ao assistir pela milésima vez  O Curioso Caso de Benjamin Button (Warner Bros/Paramount Pictures, 2009), fiquei pensando sobre um texto de Chaplin que fala exatamente da ordem de como decorre a vida.

E ao meu ver, seria ótimo se tudo acontecesse dessa forma…

” A coisa mais injusta sobre a vida é a maneira como ela termina. Eu acho que o verdadeiro ciclo da vida está todo de trás pra frente. Nós deveríamos morrer primeiro, nos livrar logo disso.

Daí viver num asilo, até ser chutado pra fora de lá por estar muito novo. Ganhar um relógio de ouro e ir trabalhar. Então você trabalha 40 anos até ficar novo o bastante pra poder aproveitar sua aposentadoria. Aí você curte tudo, bebe bastante álcool, faz festas e se prepara para a faculdade.

Você vai para colégio, tem várias namoradas, vira criança, não tem nenhuma responsabilidade, se torna um bebezinho de colo, volta pro útero da mãe, passa seus últimos nove meses de vida flutuando. E termina tudo com um ótimo orgasmo! Não seria perfeito?”

Charles Chaplin

 

Anúncios

28/07/2009 Posted by | Pensadores: Poesia da Vida | , , , , | Deixe um comentário

Charles Chaplin: Razão e Emoção

Aprendi a apreciar uma pessoa que infelizmente não está mais aqui, mas continua surpreendendo as gerações tão sedentas de  sabedoria e amor. Belas palavras e pensamentos concretos constituem suas obras.

Há um tempinho tenho lido seus textos, que são a mais pura descrição de como ser alguém melhor. Cada dia o aprecio mais:

Charles Chaplin.

Começa aqui uma série de posts sobre esse gênio da dramaturgia, cinema e por que não da vida?

Agora é com ele…

Até a próxima…

Texto: Quando me Amei de verdade, Chales Chaplin

Texto: Quando me Amei de verdade, Chales Chaplin

23/07/2009 Posted by | Pensadores: Poesia da Vida | , , , , , , | 5 Comentários